quarta-feira, 10 de junho de 2009

PCN

Qual a importância dos PCN's no ensino médio para a formação profissional e para a vida pessoal do educando?

Primeiramente, entendamos que os Parâmetros Curriculares Nacionais são simplesmente modelos, e neles se dão a obrigatoriedade curricular e as novas tendências educacionais, assim como temas transversais e a interdisciplinaridade.

Temas que ainda são optativosdependem muito da habilidade do educador, que deve inovar para encaixá-los dentro da disciplina, sendo audaz para que aja por parte do estudante o aprendizado voltado, quando possível, para a realidade cultural em que se vive.

Uma das novas tendências, em que há uma luta atual por parte de alguns políticos a fim de tornar obrigatório em todo o Estado Nacional, é o ensino, tanto para crianças como para jovens e adultos, da história local; pois, além de dar maior conhecimento da identidade do eu perante à História, o que por si só já levanta a auto-estima, transmite-se um maior compromisso com a cidadania por aproximar a sociedade de si mesma, por assim dizer.

Um dos fatores que ultrapassam os conteúdos programáticos acadêmicos é a educação, e antes dela a saúde, sem a qual não é possível o bom trabalho com o máximo de qualidade de nenhum pilar da educação.

Outro tema vital para o bom andamento da sociedade é a ética, sem ela perde-se empregos, amigos e muito mais, a confiabilidade, tão vital quanto a capacidade para a sobrevivência em sociedade quanto a competência no ofício exercido pelo sujeito; pois que adianta por no mercado profissionais sem caráter?

A maior formação que a escola pode transmitir como auxílio à vida do sujeito-cidadão é a humana, trabalhando os valores que o conduzirão para uma sociedade mais justa e feliz, sem deixar de lado o fator criticidade, pois felicidade não é dizer sim mas saber lutar pelos direitos merecidos com a importância da cidadania reconhecida.

AROLDO FILHO
Pacoti-Ceará
27/01/2009

Nenhum comentário:

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto

Aroldo Filho 

Historiador /Criador e Presidente do Jornal Delfos-CE, (2007). /Criador da Associação Cultural SEMPRE-Segmento dos Estudiosos da Memória e Patrimônio Regional da Serra de Baturité (2008). /Criador e Idealizador do 1° Arquivo Público do Interior do Nordeste (2009).

 /2° e 4° lugares,consecutivamente, no 1° e 2° concursos de poesia da comunidade do Orkut "Vamos Escrever um livro?"(2009 e 2010).

 /Criador da exposição histórica: "PACOTY: UMA HISTÓRIA EM DOCUMENTOS", aprovado pelo Banco do Nordeste(2010). 

/Sócio do Instituto Desenvolver (2011).

 /Trabalhou para o Governo do Estado do Ceará como pesquisador no Porto do Pecém (2011). 

/Ministrou aulas de História, Geografia, Arte e Religião em Pacoti e Guaramiranga (de 2008 a 2015 no Colégio São Luís, na Escola Menezes Pimentel e na Escola Linha da Serra).

 /2° Lugar em concurso de pensamento na comunidade "Grupo de Poesia" no Facebook (2012). 

Participa como um dos autores dos e-books "Por onde andei?" e "Quem sou?" realizado pelo Balcão de Poemas, edição de Wasil Sacharuck. 

/Publica notícias, contos, crônicas, poesias, fábulas, romances, artigos, peça teatral e letra de música em 32 blogs desde 2005.


Selecionado no concurso de poesias federal da Editora Vivara em 2016, passando entre os 250 poetas que irão para o livro dentre 2.370 concorrentes. .