segunda-feira, 15 de junho de 2009

IMPÉRIO PERSA E CIVILIZAÇÃO HEBRÁICA

Universidade Estadual Vale do Acaraú- UVA
Curso de Licenciatura Específica em História

História Antiga I

prof. Ednaldo Ribeiro de Oliveira
(especialista em metodologia do ensino de História da UECE)

Universitário: José Aroldo Gonzaga Arruda Filho

IMPÉRIO PERSA E CIVILIZAÇÃO HEBRÁICA


Pacoti-Ceará
2008


1-Comente as origens e desenvolvimento do império persa.

R= Pouco se sabe dos persas antes do séc. VI a.C. Eram vassalos dos medos. Em 559 a.C., Ciro tornou-se rei de uma das tribos e depois de todos os persas, fundando um vasto império; conquistou a Lídia e a Babilônia, morrendo em guerra com tribos bárbaras em 529 a.C.

Seu filho, Cambises II, conquistou o Egito, foi assassinado em 525a.C., quando Dario se apossa do trono. Dario I (governa de 521 a 486 a.C) padronizou as moedas e o sistema de pesos e medidas. Conquistou a Trácia, impôs tributos aos gregos e os forçou a servir em seu exército.

Em 479 a.C., os persas são expulsos da Grécia. Seguiu-se 150 anos de revoltas. Em 330 a.C foram conquistados por Alexandre Magno.

2-Descreva pontualmente a cultura persa.

R= Sua cultura era eclética, baseada na de outros povos. Inventaram um alfabeto de 39 letras baseado no dos arameus, adotaram o calendário solar e a arquitetura egípcia (pita e colunata), babilônico-assírio (plataformas e elevados terraços), mesopotâmica (devorativos) e grega (caneluras e ornatos das colunas). Suas grandes construções eram palácios. O mais famoso é o de Dario em Persépolis.

A religião zoroástrica ( ou mandeísmo) se espalhou por quase toda a Ásia ocidental. Zoroastro (Zaratustra) talvez tenha sido o primeiro a imaginar um sistema de fé. Ahura-Mazda e Ahriman eram as duas faces de seu masmo deus, um bom outro mau. Existiriam pecados mortais, sendo agiotagem o pior de todos quando realizado com alguém da mesma religião.

Um deus, Mitra (mitraismo), espécie de avatá caldeu, fora introduzido na cultura persa como auxiliar de Ahura-Mazda, tornando-se o maior concorrente do cristianismo e do paganismo com a sagração do domingo e de 25 de dezembro.

Em 250 d.C., Mani, sacerdote de Ecbátana, funda o Maniqueismo, concebendo duas divendades de reinos opostos; Satã com a matéria e Deus com o virtual ( fogo, luz e almas). Dividiu a raça humana em perfeitos e ouvintes. Os perfeitos seriam Noé, Abraão, Zoroastro, Jesus, Paulo, entre outros e Mani ( o maior de todos).

O terceiro cultodo zoroastrismo seria o gnosticismo (gnosis = conhecimento), seus seguidores se consideravam detentores de um conhecimento absoluto emitido por Deus a eles diretamente. (séc.II).

3-Carasterize a civilização hebráica.

R= Os hebreus adotaram os 10 mandamentos, a estória do dilúvio (Gilgamech), deixaram mais de 2/3 da Bíblia escrito e criam num deus único. Não possuem carasterísticas físicas distintas dos outros povos. Sua origem é confusa. Foram escravizados pelos egípcios e fugiram com Moisés por seu líder.

4-Comente a origem dos hebreus, envolvendo o processo político, religioso, cultural e seu legado.

R= Talvez originários da Arábia. Escravizados pelo faraó de pois de 1600 a.C.. Entre 1300 a 125 a.C. Moisés se torna líder dos hebreus, criando o cultu a Iavé e os conduzindo ao monte Sinai. Conquistando a Palestina (Canaã).

Por contato com babilônicos, hititas e egípcios, praticavam a agricultura, o comércio e a escrita. Sua religião incluía sacrifícios humanos e prostituição nos templos.

Misturaram-se com e adotaram parte da cultura dos cananeus. Foram conquistados pelos filisteus. Formaram monarquia depois de 1025 a.C. Saul foi considerado rei das 12 tribos hebréias, este se matou com a própria espada.

Davi se torna rei por 40 anos, unindo as 12 tribos num Estado único. Salomão foi o último rei da monarquia unificada, estabelecendo um harém de 700 esposas e 300 concubinas, cedeu 20 cidades e mandou 30.000 hebreus para trabalhar em Tiro, nas minas e florestas de Hirão I para pagar caros materiais comprados. Morreu em 922 a.C..

10 das 12 tribos fundaram um reino à parte, não obedecendo a Reboão, filho de Hirião, o rei de Israel. As 2 do sul foram para o reino de Iudá. Ambos são conquistados pela Assíria.

Os 4 principais períodos de sua religião são:
1°- Pré-mosaico (1259 a.C.). Vários deuses da floresta que passam a ser antropomórficos.
2°- Monolatria nacional (séc. XIII a.C.). Crença em Iavé (erroneamente transcrito Jeová)
3°-Revolução religiosa hebraica (de 539 a 300 a.C.).

Cultura voltada paraq o direito, literatura e filosofia. Sua influência no ocidente foi principalmente ética e religiosa (cristianismo).

AROLDO FILHO
Pacoti-Ceará

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto

Aroldo Filho é Historiador, Literato, Letrista, Professor, Blogueiro, Jornalista Independente, Segurança, Vendedor, já foi Gerente de Vendas e às vezes é Humorista, também já foi Ator Amador  (Representando figuras do folclores católico, tais como Jesus Cristo, Rei-Mago Baltasar, Padre do livro "Os verdes abutres da colina" e São Vicente de Paula além de outros personagens em peças de escola).

1º Lugar em Auto de Natal no Estado do Ceará, atuando na ocasião como o Rei-Mago Baltasar em 2004.

Criador, Idealizador e Presidente do Jornal Delfos-CE (desde 2007).

Criador e Idealizador da Associação Cultural SEMPRE-Segmento dos Estudiosos da Memória e Patrimônio Regional da Serra de Baturité (2008). 

Criador e Idealizador do 1° Arquivo Público do Interior do Nordeste (2009).

2° e 4° lugares,consecutivamente, no 1° e 2° concursos de poesia da comunidade do Orkut "Vamos Escrever um livro?"(2009 e 2010).

Criador da exposição histórica: "PACOTI: UMA HISTÓRIA EM DOCUMENTOS", aprovado pelo Banco do Nordeste (2010). 

Formou-se em Licenciatura Plena em História (2010).

Sócio do Instituto Desenvolver (2011).

Trabalhou para o Governo do Estado do Ceará como pesquisador no Porto do Pecém (2011). 

Ministrou aulas de História, Geografia, Arte, Religião e Ciências em Pacoti e em Guaramiranga, no Colégio São Luís, na Escola Menezes Pimentel, na Escola Linha da Serra e na Escola Monteiro Lobato (entre 2008 a 2017).

2° Lugar em concurso de pensamento na comunidade "Grupo de Poesia" no Facebook (2012).

Participa como um dos autores dos e-books "Por onde andei?" e "Quem sou?" realizados pelo Balcão de Poemas, edição de Wasil Sacharuck.

Publica entrevistas, notícias, contos, crônicas, poesias, fábulas, romances, artigos, peça teatral e letra de música em 32 blogs desde 2005.

Recebeu a Comenda Domitila por Mérito Literário, da SECULDT-Secretaria de Cultura, Turismo e Desporto de Pacoti (2016).

Passou na seleção para o livro "Prêmio Literário Nacional Concurso Novos Poetas", da Editora "Vivara", 250 poetas escolhidos dentre 2.370 inscritos no país. (2016).

Concluiu Pós-Graduação em Gestão Escolar (2016)

Passou novamente na seleção para o livro "Prêmio Literário Nacional Concurso Novos Poetas", da Editora "Vivara", 250 poetas escolhidos dentre 3.207 inscritos no país. (2017).

Teve poesia publicada na Revista Gente de Palavra em fevereiro de 2018.